Com proposta contemporânea, irreverente e inclusiva das relações humanas, episódio piloto da série Trisal será gravado em Araguaína

Com proposta contemporânea, irreverente e inclusiva das relações humanas, episódio piloto da série Trisal será gravado em Araguaína

Compartilhe

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email
Cinthia Abreu

O primeiro episódio da série “Trisal” será gravado na cidade de Araguaína, no Norte do estado, no início do mês de Maio. A iniciativa é uma realização da Artpalco Produções Cinematográficas com coprodução do Grupo Tukan e a Vanguarda Audiovisual, via patrocínio da Lei Paulo Gustavo (LPG), da Secretaria Municipal de Esportes, Cultura e Lazer de Araguaína.

O piloto deste episódio da comédia será o curta-metragem nomeado de “Nem pensar! Pode esquecer!”, de cerca de 10 minutos, que será gravado, editado e lançado no município araguainense. A história cômica se desenrola quando dois homens e uma mulher acordam em um misterioso motel, sem memória do que aconteceu. Conforme tentam desvendar os enigmas por trás dessa situação, eles são levados a questionar as convenções sociais e a explorar novas formas de relacionamento.

Com uma equipe totalmente tocantinense, o curta-metragem tem a direção-geral e roteiro do cineasta Piettro Lamonier e Fausto Lena; interpretação dos atores George Henrique Silva, Vinnie Parente e Musa Dumont; e produção executiva de George Henrique Silva e Cinthia Abreu. “O piloto antecede um total de 8 episódios desta série, que trata de uma comédia em curta-metragem provocativo, que de forma irreverente e leve mergulha nas complexidades do amor e da identidade, a partir de temas como liberdade, autoconhecimento e os limites do convencional, levando os personagens a uma jornada emocional intensa”, descreve Piettro Lamonier.

Com uma abordagem sensível e intrigante, o filme apresenta uma narrativa não linear que desafia os espectadores a refletirem sobre as diferentes formas de amar. O diretor complementa que a série busca romper com estereótipos e preconceitos, oferecendo uma visão contemporânea, divertida e inclusiva das relações humanas. “Este projeto audiovisual tem o potencial de cativar o público, gerar discussões relevantes e promover a diversidade na sétima arte”, ressalta.

O co-roteirista Fausto Lena destaca que o assunto de diversidade nas relações amorosas é atual, porém, o roteiro da série já foi escrito há mais de 20 anos. “O nosso olhar não é de sexualidade, mas de uma abordagem sobre a liberdade de escolha e a aceitação da diversidade nas relações afetivas. Acreditamos que Trisal tem o potencial de cativar o público e gerar discussões relevantes sobre o tema, contribuindo para a promoção da inclusão e o fortalecimento da indústria audiovisual”, complementa.

Mercado Audiovisual

O ator e produtor executivo George Henrique Silva afirma que a produção audiovisual lança uma série de produtos que vai movimentar o mercado da produção cinematográfica em Araguaína. “Este episódio do Trisal será apenas o começo de uma longa e consolidada série de produções audiovisuais que teremos em nosso município, um mercado aquecido que será muito importante para economia, turismo e oportunidades de emprego”, afirma.

Projeto

O curta-metragem “Nem pensar! Pode esquecer!” é uma realização da empresa Artpalco Produções Cinematográficas com coprodução do Grupo Tukan e Vanguarda Audiovisual. O projeto foi contemplado no edital Audiovisual, da Lei Paulo Gustavo (LPG), da Secretaria Municipal de Esportes, Cultura e Lazer de Araguaína.

Ficha técnica:

Realização: Artpalco Produções Cinematográficas

Coprodução: Grupo Tukan e Vanguarda Audiovisual

Direção-geral: Piettro Lamonier e Fausto Lena

Produção Executiva: George Henrique Silva e Cinthia Abreu

Co-roteirista: Piettro Lamonier

Atores: George Henrique Silva, Vinnie Parente e Musa Dumont

Assessoria de Comunicação: Cinthia Abreu/ Companhia A Barraca

Filmagem e edição: Vanguarda Audiovisual

Desenho de Áudio: Fred Garibalde

 

Hayla

Hayla

Comente

Relacionadas

Outras postagens