Search
terça-feira 20 novembro 2018
  • :
  • :

Telas em Cenas exibe sessão especial do filme “Encantados” com a presença da diretora Tizuka Yamasaki

encantados

O filme “Encantados”, da renomada cineasta Tizuka Yamasaki, terá sessão especial em Palmas nesta quinta-feira, 13, às 19h30, no Cine Cultura em Palmas. A sessão contará com a presença de Tizuka Yamasaki, que participa de um bate-papo com profissionais locais do audiovisual, por meio do projeto Telas em Cena.

Responsável pelo projeto, o cineasta Nival Correia, conta que o objetivo é estimular a produção audiovisual no Tocantins, oferecendo uma interatividade entre os profissionais nacionais e regionais. “É um momento ímpar para o audiovisual no Tocantins receber uma premiada diretora como a Tizuka, tenho a certeza que será um momento histórico de troca de experiências”, disse.

Tizuka Yamasaki se destaca como a primeira mulher de origem japonesa a atuar no cinema brasileiro. No bate-papo com os realizadores, Tizuka vai contar um pouco de sua história e do trabalho em produções de televisão, como O Pagador de Promessas e As Brasileiras, de cinema como os filmes de Renato Aragão e Xuxa Meneghel, dentre outros.

 Filme

Logo após o bate-papo com os realizadores locais, será aberto ao público exibição do filme “Encantados”. A obra baseada no livro de Zeneida, O Mundo Místico dos Caruanas da Ilha do Marajó, conta a história de Zeneida (Carol Oliveira), então menina, que sai de Belém, com a mãe Zezé (Letícia Sabatella), os sete irmãos e a empregada Cotinha (Dira Paes), e vai para Ilha do Marajó, por determinação do advogado Angelino (José Mayer), pai ilegítimo dos oito filhos que teve com Zezé.

É na ilha que Zeneida passa por seu rito de passagem: seu dom de pajé, que era sufocado pela família no Pará, se aflora quando Zeneida entra em contato direto com a natureza. É ali também que ela descobre o amor (proibido) por Antonio (Thiago Martins), um encantado, como são chamados os seres da natureza (daí o título do filme). O filme traz ainda no elenco Ângelo Antônio e Anderson Müller, além da participação de Laura Cardoso e Cássia Kis.

 WhatsApp Image 2018-09-10 at 09.40.47

Perfil

Cineasta, neta de imigrantes japoneses, Tizuka Yamasaki nasceu em Porto Alegre (RS), deu seus primeiros passos como assistente de Nelson Pereira dos Santos, e estreou como diretora de longas-metragens com Gaijin, caminhos da liberdade (1980), exibido no Festival de Berlim e na Quinzena de Realizadores no Festival de Cannes. Ligou-se ao núcleo de produção de Cacá Diniz e dirigiu filmes de Renato Aragão e Xuxa Meneghel, sempre com bons resultados de bilheteria. Tem também uma respeitada carreira na televisão, onde dirigiu minisséries e novelas, entre elas, Pantanal e Kananga do Japão, ambas para a TV Manchete.

 No Cinema

  • Encantados (2017)
  • Aparecida, o milagre (2010)
  • Amazônia Caruana (inédito)
  • Xuxa em o mistério da feiurinha (2009)
  • Gaijin – Ama-me como sou (2005). Prêmios de melhor filme, direção, atriz coadjuvante (Aya Ono) e trilha no Festival de Gramado.
  • Xuxa popstar (2000). Codirigido com Paulo Sérgio Almeida.
  • Xuxa requebra (1999)
  • O noviço rebelde (1997)
  • Fica comigo (1996)
  • Lua de Cristal (1990)
  • Patriamada (1984)
  • Parahyba, mulher macho (1982)
  • Gaijin, caminhos da liberdade (1980). Exibido no Festival de Berlim e na Quinzena de Realizadores no Festival de Cannes.

 Na televisão

  • O pagador de promessas (1988) – minissérie
  • Kananga do Japão (1989) – telenovela
  • Amazônia (1992) – telenovela
  • A Madona de Cedro (1994) – minissérie
  • Metamorphoses (2004) – telenovela
  • As Brasileiras (2012) – Série

Projeto

O projeto Telas Em Cena divide-se em quatro eixos:  Informação, Política e Diretrizes, Intercâmbio, e Difusão com ações direcionadas que   atendem demandas de produtores locais, diretores, roteiristas, Estudantes da Rede Pública de ensino, Crianças, adolescentes e jovens, Idosos, Populações de baixa renda de Zona Rural e situação de vulnerabilidade.

Responsável pelo projeto, Nival Correia conta que a proposta é contribuir para o desenvolvimento e fortalecimento da cena audiovisual palmense. “Palmas tem se destacado através do enfoque audiovisual, com produções independentes locais e a nível nacional, com produções de grande visibilidade como filmes e novelas, que potencializaram os recursos criativos da cidade, gerando emprego e renda de forma direta com a contratação de profissionais locais e com a prestação de serviços”, conta Nival Correia.

A atividade é uma realização do Instituto Social do Tocantins  em  parceria com a Fundação Cultural de Palmas e Ministério da Cultura, através do edital de Pontos de Cultura de Palmas. O projeto tem o apoio da Fundação Escola de Saúde Pública (Fesp) e restaurante Maria Isabel Cozinha Contemporânea.

Serviço
O quê – Projeto “Telas em Cena” com sessão especial do filme “Encantados”

Quando – Quinta-feira, dia 13/09

Ingressos – R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia)

Texto: Cinthia Abreu