Crianças e adolescentes de Palmas são beneficiados por ação social da Defensoria Pública

Fonte: Ascom DPE (Clediston Ancelmo/ Cinthia Abreu/ Rose Dayanne)

Aproximadamente 500 crianças e adolescentes participaram das atividades do projeto “Adote uma criança”, com uma série de brincadeiras, pintura facial, contação de história, apresentações musicais e distribuição de brinquedos, realizadas pelo NUDECA – Núcleo Especializado de Defesa da Criança e do Adolescente da Defensoria Pública no Instituto Restauração e Paz, na Creche Comunitária Monte do Carmo e na Apae de Palmas.

“Fazer uma criança sorrir, proporcionar um dia mais feliz para essas crianças. É esse o nosso objetivo”, contou a coordenadora do Nudeca, defensora pública Maria do Carmo Cota, destacando ainda que a ação foi possível graças ao apoio e envolvimento dos servidores e membros da Defensoria Pública, além dos estudantes da Universidade Federal do Tocantins e Faculdade Católica, que além de doar brinquedos, fizeram questão de participar das entregas dos presentes e das atividades com as crianças atendidas.

As crianças da Creche Comunitária Monte do Carmo, mantida pela Sociedade São Vicente de Paulo, receberam na manhã desta terça-feira, 11, as atividades do Projeto. A Instituição funciona no setor Jardim Taquari, em Palmas, e atende atualmente mais de 100 crianças, entre seis meses a cinco anos, e tem sobrevivido de doações e com a colaboração de voluntários. “É muito importante um dia como esse. Nós não temos recursos para oferecermos um evento assim dessa maneira. E a felicidade a gente vê estampada no rostinho deles”, destaca a coordenadora da Creche Maria Morais de Araújo Sousa. Para contribuir com a Instituição, pode buscar informações pelos telefones (63) 8447-6363 (Creche) e (63)9223-4810 (Conselho Central), ou pelo email conselhocentral@hotmail.com . “A alimentação é sempre essencial, mas até produtos de limpeza, tudo é bem-vindo”, ressalta Maria Morais.

“Achei lindo, adorei a atividade, isso não tinha que ser uma obrigação, tinha que acontecer sempre. Foi muito prazeroso fazer isso com as crianças”, relata a estagiária da Defensoria Pública, Natália Lima Carvalho.

No sábado, 8,  cerca de 200 crianças atendidas pelo Instituto Restauração e Paz, na 405 Norte, também receberam brinquedos arrecadados pelo projeto “Adote uma Criança”, além de terem participado de várias atividades recreativas.

Na tarde de terça-feira,11, foi a vez dos alunos da Apae – Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais, serem beneficiados com várias atividades lúdicas. Servidores da DPE-TO, voluntários e funcionários de empresas parceiras participaram das brincadeiras e levaram muita diversão para a escola. Cerca de 270 alunos ganharam brinquedos, cantaram, dançaram e fizeram pinturas paciais. “A sociedade está se abrindo e está vendo que realmente esta inclusão deve acontecer. Foi muito bom achar e contar com esses parceiros que acreditam e defendem os direitos dos nossos alunos”, concluiu a diretora da Escola Especial da Apae de Palmas, Jedaíta Margarida Ribeiro.

Interior

As regionais do interior do Estado também contarão com programações especiais para as crianças neste mês de outubro. É o caso da Diretoria Regional de Gurupi, que está arrecadando brinquedos, roupas, calçados, itens de higiene pessoal, entre outros itens, que serão destinados às crianças e adolescentes abrigados na Casa de Passagem de Gurupi.