Search
segunda-feira 11 dezembro 2017
  • :
  • :

25 Experiências Que Você Ainda Precisa Viver no Tocantins

Nosso querido Diego Engenho  listou 25 experiências que você precisa viver no “Toca”. Leia e veja quais ainda faltam pra você!!!

25 Experiências Que Você Ainda Precisa Viver no Tocantins

1. Sentar-se na escadaria do Palácio Araguaia ao entardecer e esperar a velha raposa sair.

2. Tomar uma cachaça de escorpião no Laboratório da Pinga em Araguaína. Por via das dúvidas deixe este ítem para o fim da lista.

3. Ficar algum tempo sozinho em uma das cachoeiras de Taquaruçu, só sentindo a vibe.

4. Perguntar pro João Mentira porque ele tem esse nome. Encontrá-lo não será fácil, então, fique pra almoçar.

5. Em Gurupi, algumas velhinhas ainda oferecem banquetes para os cães no Dia de São Lázaro. Arranje um cachorro emprestado e vá.

6. Ver os biscoitos Amor Perfeito saindo do forno de Tia Naninha. Não seja bobo, não fique só vendo.

7. Beber todas no Naza e comer algo leve no Mercado Municipal de Araguaína. Qualquer hora do dia ou da noite. Chambari é Deus.

8. Fazer um lanche na Meu Cantinho em Araguaína. Algo especial acontecia lá todos os dias às 18h em ponto. A surpresa vinha da loja de discos que ficava ali perto. A visita ainda vale pelo enroladinho de queijo divino e fofocas das velhas.

9. Sair de casa para ir à Festa da Melancia de Formoso do Araguaia. Chegando em Cariri do Tocantins, desista da viagem e coma a carne de sol da entrada da cidade.

10. Ir a Darcinópolis. Lá não tem nada pra fazer, mas há 18km tem uma barraquinha de palha na frente de uma fazenda que vende a melhor pamonha do cósmus. É sério.

11. Pare em Palmeiras do Tocantins para tomar uma coca gelada, finja estar falando com alguém ao celular e diga bem alto: “Vou demorar um pouco. Tô aqui em Mosquito ainda”. Depois corra como se não houvesse amanhã.

12. Na Rua das Flores, em Porto Nacional, tem uma espécie de flor alucinógena que dá um chá muito louco. O que estou querendo dizer é: tire uma foto lá. A rua é bem bonita…

13. Tomar um café no bistrô que fica no pé da Serra do Estrondo em Paraíso. Pergunte pelo “Bistrô Oficina Geral”. Não deixe de ouvir as histórias do Macagi sobre fenômenos ufológicos na região.

14. Parar o carro na estrada pra pegar/roubar pequi. Tocantinense que não curte pequi é poser.

15. Beijar na boca na Pedra do Macaco em Pedro Afonso. Ou qualquer outra pedra às margens do Rio Tocantins ou do Rio Sono. O lance é beijar.

16. Beber umas a mais e aprender uma coreografia do Axé Music na Praia da Tartaruga.

17. Se você estivesse em Paris eu diria “Vá ao Père Lachaise”, mas como você está no Tocantins vá ao cemitério de Pium! Você sabia que na cidade, oficialmente, tem mais gente morta que viva? Dados do IBGE e tudo mais.

18. Visite a Ceorta em Tocantinópolis e crie sua própria teoria conspiratória para a cidade fantasma que tem lá. Leve roupa de banho. Você está em Tocantinópolis, pô!

19. Entrar no Fervedouro e parecer um completo idiota. Se você for mesmo um idiota, então, perfeito.

20. Atravesse a ponte do lago de Palmas com a sua música preferida no último volume no som do carro.

21. Tocar a campainha da casa do Siqueira Campos e sair correndo.

22. Tirar uma foto no Cristo Redentor de Araguaína e escrever na legenda “Rio40°”. A parte dos 40° não será mentira.

23. Faça xixi no banheiro do Titanic em Xambioá.

24. Passe o final de semana em Azuis e esfreque a fatura do cartão na cara do seu amigo que parcelou Bonito-MS em 36X.

25. Faça uma pintura indígena e vá trabalhar sem cueca ou calcinha. É libertador. Eu garanto.