Search
quinta-feira 19 outubro 2017
  • :
  • :

R. Rodrich por R. Rodrich

Fui convidado por uma amiga e artista versátil da nossa ardente Palmas, Hayla Menares, para contribuir no tocult.com.br com algo do meu conhecimento. Minha primeira grande tarefa é, portanto, traçar meu perfil. Nossa como é difícil falar de si mesmo! É como uma entrevista de emprego na qual você entrevista a si mesmo, remexe nos arquivos de sua memória e não pode mentir (pra si mesmo)! E o medo de que fique parecido com um perfil pseudo-legal ou pedante, como os milhões que encontrávamos no falecido Orkut (que Nossa Senhora dos Gbytes o tenha) ou como os do Facebook?
Acho que vou fazer como Sócrates: falar com simplicidade, por mais que ninguém acredite que ele é muito simples. Todo mundo tem uma espécie de “medo sagrado” de ler um filósofo como ele. Eu também pensava que desistiria na primeira página, mas não. Sócrates é o pai da auto-ajuda, e muita gente não sabe disso! Ele é simples e fala das regras para viver bem, com simplicidade e sendo autêntico, mas para isso, percebi que precisamos de bastante conhecimento.
Assim, vamos lá…
Eu me formei em Língua Portuguesa e Literatura e apesar de achar a literatura luso-brasileira enfadonha, estudei bastante sobre ela e continuo lendo muito. Mas minhas especialidades são as literaturas: Clássica, Latina e Nórdica. Também tenho uma grande paixão por História e o estudo das Culturas do Mediterrâneo e do Oriente Médio. Gosto daquilo que é antigo. Muita gente torce o nariz para o que é antigo, mas o que é bom sempre volta à moda, como os bons livros, que nunca deixam de ser lidos.
Entre outras paixões estão o prazer por bons filmes, desde pancadaria até os filmes de época, com muita conversa e pouca ação. Cinema francês também, mas em doses homeopáticas, senão você acaba dormindo, porque existem cenas que duram de cinco a dez minutos sem uma só frase (terrible). Filmes de terror também estão no meu top list, pena que são sempre poucos os bons de verdade. Adoro música e meus ouvidos aceitam quase tudo, experimento tudo o que é novo no universo musical, mas gosto muito de um bom rock (progressivo) e música erudita como quem come ovo com farinha.
A exigência de conhecer e de sempre experimentar o novo acabou me obrigando a aprender outro idioma, sou fluente em espanhol e tenho apreciação por italiano (que entendo e falo um pouco), e por Francês, (que entendo pouco e gosto muito!) E por latim, grego e antigo nórdico, que me esforço pra aprender. Como nunca descanso e acho que a vida é aprendizado, me tornei acadêmico de Direito, e logo estarei no mundo das leis também, mesmo que o latim já sirva pouco para isso.
Adoro cães e sempre tenho a sorte de ganhar cães de raça, nunca preciso comprar um cachorro! Freud ou a Astrologia devem explicar isso! Gosto de exercícios, pois, como os antigos gregos, eu acho que devemos cuidar da mente e do corpo. Sou magro mas penso como um gordo que precisa de cirurgia bariátrica. Acho que já está bom, né? Por enquanto está. Com o tempo vocês irão me conhecendo mais, enquanto tomam café ao ler o site ou enquanto comem Doritos em pacote big.